A saúde começa mesmo pela boca? Descubra a verdade

Postado em: 19 de junho de 2019

Todo mundo já escutou aquela frase clichê que diz que a saúde começa pela boca, principalmente durante a fase da infância em que os pais tanto se esforçam para que as crianças se preocupem com a limpeza dos dentes, por exemplo.

A gente sabe que a boca é uma porta de entrada para diversas coisas que entram no nosso organismo, como os alimentos que consumimos em nossas refeições. Mas será que isso realmente significa que a nossa saúde começa pela boca?

Comprovações científicas mostram que cuidar da saúde bucal não é uma mera preocupação estética: na verdade, diversos males podem ser despertados no organismo por conta da falta de preocupação com essa importante região do corpo.

Leia mais: EXAMES DE ROTINA QUE TODA FAMÍLIA DEVE TER NO RADAR

Cuidar da saúde bucal é importante

A American Dental Association (ADA) defende que problemas bucais graves podem causar inclusive males no coração e nos pulmões, indicando como o organismo humano funciona em conjunto e que um problema pode afetar outras áreas, podendo causar problemas mais graves que o anterior.

Além disso, existem doenças “sistêmicas” que são aquelas que afetam o organismo como um todo. Grande parte desses problemas podem ter origem em infecções orais.

Segundo Rita Azevedo, Cirurgiã Dentista,  em sua coluna sobre saúde, a boa alimentação associada com hábitos saudáveis são fatores fundamentais para ter um corpo equilibrado e saudável, destacando tanto a importância de tratar problemas bucais (como a gengivite, tão ignorada), mas também de se atentar com aquilo que está sendo ingerido na alimentação do cotidiano.

Leia também: 5 ALIMENTOS QUE TE AJUDAM NA PRISÃO DE VENTRE

O que fazer

Seguindo o fundamento que diz que a saúde começa pela boca, você deve tomar cuidado com os seguintes pontos:

  • Garantir uma boa higiene com o uso de fio dental e escovações regulares
  • Fazer o uso de enxaguantes bucais com finalidade de realizar bochechos que darão um toque final à limpeza
  • Prestar atenção em como anda a sua alimentação e na procedência do que você ingere no cotidiano, sempre em contato com uma pessoa profissional de nutrição.